Close
Skip to content

Laura Bacellar

Meu nome é Laura Bacellar e trabalho no mercado editorial desde 1983. Sou formada em editoração pela ECA/USP e amo livros. Para saber mais, vá na aba "Quem Somos" do menu principal.

33 comentários até agora

  1. julia
    18 de janeiro de 2016 @ 21:50

    oi meu nome e julia quero escrever um livro

    Reply

  2. Gloria maria
    15 de março de 2016 @ 23:24

    eu amo escrever sei qual publico vai ler meus livros ,meus livros esta escrito a mão,gostaria de saber se é possivel encontrar uma editora que corrija e edita meu livro,ou quem eu devo procurar para fazer isso?

    Reply

    • Laura Bacellar
      14 de abril de 2016 @ 13:06

      oi Gloria,
      se vc vai publicar por conta própria ou quer deixar seu texto mais corrigido, pode procurar não uma editora, mas um revisor. Pela internet vc acha, se quiser pode também ligar para alguma editora de livros ou até jornais e perguntar se têm algum profissional a sugerir.
      Revisores em geral trabalham como freelancers, cobrando por página.

      Reply

  3. Fernanda
    20 de fevereiro de 2017 @ 14:42

    Oi eu preciso de um agente literário.
    Como faço?
    Que não cobre muito caro.

    Reply

  4. leonardo risuenho
    21 de fevereiro de 2017 @ 16:59

    Olá, Laura! Estou com um livro escrito (musical) e gostaria de saber qual a melhor forma de publicá-lo. Sou Auditor-Fiscal da Receita Federal e tenho uma boa estabilidade financeira, sendo assim não me importo em ter que abrir mão de uma boa parcela dos direitos autorais.
    O Livro encontra-se disponível este link: http://www.recantodasletras.com.br/novelas/5865753
    Se tiver interesse em me ajudar nesta empreitada me manda um email.

    Reply

    • Laura Bacellar
      21 de fevereiro de 2017 @ 17:21

      Leonardo,
      sugiro que transforme seu material em algo que seu público possa ouvir! Por que não coloca numa plataforma de músicas ou vídeos? O google tem uma, e tem o youtube aí para ninguém reclamar. Mais chance de vc fazer sucesso.

      Reply

  5. José Rodrigues Dias
    16 de maio de 2017 @ 03:14

    Já escrevi 5 livros, sendo 4 Romanance e um Evangélico. Dentre todos só dois foram publicados, porem materia paga. E como os demais eu tenho por certo ser de grande aceitação, gostaria muito de encontrar uma editora que me lançasse sem que fosse materia paga. Teria como me ajudar. O livro
    Evangelico por exemplo, é uma obra necessaria a todos os brasileiro, mas eu não tenha a minima condição de fazer com que a mesmo possa vir a serem conhecidos. Me ajuda pelo menos, indicando uma editora da qual eu possa envia-los para uma simples analise.

    Reply

    • Laura Bacellar
      19 de maio de 2017 @ 19:51

      José, vá a uma livraria, encontre os livros parecidos com o seu que tiverem sido publicados recentemente, veja que editora publicou cada um e envie seu original para análise.

      Reply

  6. Diana.
    16 de junho de 2017 @ 23:39

    Olá Laura Barcellar!

    Sou escritora com um livro pulblicado.
    Tem como você entrar em contato comigo por E-mail?

    Obrigado!

    Reply

    • Laura Bacellar
      17 de junho de 2017 @ 12:41

      olá Diana,
      eu presto serviço de consultoria para autores, veja por favor se é isso que vc precisa. Se precisar de uma indicação outra, pode perguntar.
      http://www.escrevaseulivro.com.br/consultoria/
      um abraço

      Reply

  7. Ana queiroz
    15 de julho de 2017 @ 18:06

    Olá,gostaria de conversar com vc. Estou fechando meu livro com uma pequena editora, mas minha idéia vai além dá publicação. Escrevi um romance inspirado em um grupo, quero tentar uma parceria, dedicação ou coisa parecida e para isso preciso de um agente, obrigada.

    Reply

    • Laura Bacellar
      15 de julho de 2017 @ 18:22

      olá Ana,
      eu não sou agente, sinto. Mas recomendo que faça o contato vc mesma, estamos num mundo de muitos autores independentes. Se precisar de uma consultoria, me contate.

      Reply

      • Georg Silveira
        19 de dezembro de 2018 @ 03:04

        Olá, eu tenho uma história pra transformar em livro, será que posso receber ajuda de vcs?

        Reply

  8. Leila Vieira Mussarra
    8 de dezembro de 2017 @ 23:18

    Olá! Estou a procura de alguém que me ajude a avaliar e direcionar os meus trabalhos para as editoras corretas. Já estudei a respeito da publicação de livros em vários sites e enviei a algumas editoras, mas não obtive retorno. Não sei se estou enviando aos locais certos ou se realmente meus livros não são publicáveis.
    Quem poderia estudar o material e me dar uma opinião objetiva sobre ele?
    Grata

    Reply

  9. Remisson Aniceto
    7 de fevereiro de 2019 @ 16:04

    Já publiquei livro de contos e crônicas através da Penalux, dos ótimos editores Tonho França e Wilson Gorj, após ser indicado pelo famoso escritor Ronaldo Cagiano, meu conterrâneo. Meu livro teve ótima aceitação e boas vendas, mas tive que interferir na divulgação via Facebook e blogs e agências literárias, que fizeram muitas resenhas. Agora publicarei, através de uma excelente editora, um livro de poesias, depois de fazer a pré-venda na plataforma Kickante. Tenho fé que será um sucesso. Mas acalento o sonho de publicar pelo menos um livro infantil e outro infanto-juvenil e realmente, tenho notado na pele que é muito mais difícil do que publicar obras para adultos. As portas dificilmente se abrem. E estes livros devem ser muito mais elaborados, com papel especial e ilustrações e, sem dúvida alguma, textos de relevância e adequados para cada cada idade (se crianças ainda em fase de alfabetização, leitores iniciantes, etc). Então, entendo muito bem a exigência maior por parte das editoras e, assim, grandes autores desconhecidos e boas histórias vão ficando à margem, enquanto autores já renomados vão publicando “a rodo”, muitas vezes obras sem o mínimo de qualidade, sem nenhum valor, abarrotando as salas de aula, as bibliotecas, as estantes com coisa inútil, porque “o nome vende”. E “um grande nome” tanto vende que as o MEC e as Secretarias de Educação adotam estas porcarias para todas as escolas das redes federais, estaduais e municipais. Dá um dó das nossas crianças… e dos bons autores que nunca poderão ver seus livros publicados, auxiliando na educação e na cultura destas crianças.

    Reply

    • Laura Bacellar
      7 de fevereiro de 2019 @ 21:11

      Remisson,
      procure a secretaria de educação de sua região. Faça leituras para crianças, eventos, contação de histórias. Crie um nome para vc. Todos os autores começaram assim, com algum tipo de contato com crianças. Aproveite que agora há muita gente querendo mudar os livros a serem adotados…

      Reply

  10. Rosa Hernandez
    6 de julho de 2019 @ 20:51

    Possuo 20 livros e gostaria de publicar numa Editora.

    Reply

    • Laura Bacellar
      29 de julho de 2019 @ 10:59

      olá Rosa,
      envie um a um para que editoras analisem. Se houver apelo para o público, irão considerar.

      Reply

  11. RICARDO DOLABELLA
    11 de outubro de 2019 @ 07:46

    Prezados, bom dia.     
    Gostaria de ser informado para qual e-mail posso enviar um release de um livro que publicarei o próximo dia 07, com o objetivo de divulga-lo.Aguardo retorno.Obrigado.Ricardo Dolabella

    Reply

  12. W Gouvêa
    27 de dezembro de 2019 @ 18:46

    Tenho uma estória de ficção científica, dividida em episódios. A idéia é enviar o script do episódio piloto para análise.

    Eu poderia registrar na Biblioteca Nacional. Mas o conteúdo do meu trabalho inclui elementos que poderiam ser considerados propriedade intelectual de terceiros.

    A dúvida é o seguinte: como proteger os meus direitos autorais nesse caso? Obrigado.

    Reply

    • Laura Bacellar
      29 de dezembro de 2019 @ 16:40

      oi Gouvêa,
      como assim, sua obra contém elementos que são propriedade de terceiros? Se vc não tiver permissão para utilizar esses textos ou imagens, vc estará cometendo plágio. A Bilioteca Nacional vai fazer o registro de qualquer modo, eles não lêem nada, mas a sua obra é que pode ter problemas.

      Reply

      • W Gouvêa
        6 de janeiro de 2020 @ 00:14

        Obrigado por responder.

        Sim, tem marcas registradas e é ambientada no universo criado por terceiros.

        Depois de enviar vários e-mails buscando permissão do dono, recebi resposta oficial, não muito inesperada, dizendo que eles não podem me dar permissão.

        Resumindo uma história comprida: o que aprendi é que, se o seu objetivo é ganhar dinheiro como escritor, não adianta fazer esse tipo de história (do tipo “fanfic”). Essas empresas, as donas da IP, simplesmente ignoram a sua capacidade criativa. Não têm mesmo nenhum interesse se a sua história é boa. Então, seu trabalho pode até ser bem melhor do que o deles, mas eles vão te esnobar.

        O negócio é usar apenas idéias, não o universo ou elementos facilmente identificáveis. Eles não podem te processar, e se você for bom mesmo, vai ter gente pagando para ler (ou assistir). Você sai ganhando, e a empresa que esnobou é que sai perdendo.

        Reply

        • Laura Bacellar
          6 de janeiro de 2020 @ 11:44

          Mude os nomes, pode até deixar os personagens parecidos. Veja o que fez a autora de 50 tons de cinza…

          Reply

  13. Rosimeire
    5 de janeiro de 2020 @ 16:19

    Laura Bacellar, boa tarde! Antes de mais nada, gostaria de agradecer e parabenizar seu brilhante trabalho e apoio a todos os escritores, editores, tradutores e agentes no Brasil e no exterior. Meu nome é Rosimeire Silvano. Sou brasileira, moro na Costa Rica há 7 anos, realizo trabalhos de tradução literária e também sou professora de português como língua estrangeira para falantes de espanhol como profissional independente. Faço uma ponte de comunicação atualmente entre uma escritora brasileira de Minas Gerais junto a editoras deste país. Realizamos em 2019 com sucesso a tradução de sua obra para o inglês e para o espanhol. Hoje estou traduzindo o romance do escritor costarriquenho Óscar Feoli para o português e gostaríamos de manter contato com você para conversar sobre uma possibilidade de desenvolvermos este projeto no Brasil e na América Latina. Muito obrigada por sua atenção e um forte abraço a todos. Rosimeire Silvano.

    Reply

    • Laura Bacellar
      6 de janeiro de 2020 @ 11:45

      olá Rosimeire,
      que legal o seu trabalho, desejo sucesso. Fale comigo por email se precisar: [email protected]

      Reply

      • Elenice S Mazaia
        15 de setembro de 2020 @ 21:49

        Olá Laura Baccelar.. meu nome é Elenice, sou Brasileira residente em Santo André São Paulo. Sou estudante de Direito, hoje com 42 anos, a faculdade de sonho dos meus 18 anos. Por motivos de Violência Intrafamiliar que sofri na infância e adolescência só agora consegui estudar, tenho muita vontade de passar minha história para um livro, e dá um livro, pois os agressores agem até hoje, são 30 anos, impressionante como eles não mudam. Só tem uma forma de eu aliviar essa culpa inversa que sempre carreguei, expôr meu caso, pois só assim com os relatos e apoio de especialistas eu me sentiria sem culpa diante desses agressores, são 30 anos de história mal contada, invertida, e os danos foram muitos por várias vezes cheguei perto da morte.. Obrigada.. aguardo contato se puder ajudar..

        Reply

  14. Patrícia Bessa
    17 de agosto de 2020 @ 19:56

    GRATIDÃO amada, o seu site é de grande valia!! Porém, não compreendo a dificuldade em contatar um agente autorizado pela NETFLIX , faz tempo que estou tentando, de alguns descobri site e email, mas sem resposta, acho um desrespeito muito grande, pois até nas principais redes sociais eu tentei e nada.
    POR FAVOR, vc poderia me indicar ,pelo menos um e com o contato direto???

    Reply

    • Laura Bacellar
      28 de dezembro de 2020 @ 14:17

      no quem somos há email, no contato idem.

      Reply

  15. Giselli Versalli Pinto
    19 de setembro de 2020 @ 15:03

    Amar e idealizar
    Idealizamos a pessoa amada, é algo natural que pode trazer diversas dúvidas e até mesmo o sofrimento. Quando amamos, a companhia de uma pessoa é maravilhoso, não queremos o fim.
    O tempo sendo único e precioso, passa tão rapidamente e quando nós damos conta já se foi. As vezes nós questionamos por não ter amado mais, e percebemos que passamos a nós importar com coisas simples que antes não tinham muito significado .
    Sofremos, como se gostássemos de se humilhar por pessoas erradas. Precisamos ser amor e ir em busca de uma nova oportunidade, algo novo está em seu aguarde, partir em busca da felicidade. O tempo é infinito e nele somos pequenos grandes ser em busca da verdade e compreensão.
    A certeza do amor é incerto, e acreditamos muitas vezes no que falamos e ouvimos, quando na verdade pode ser apenas uma distração e cegueira, precisamos abrir nosso coração e mente, para entrar a coragem de ser puro. Amar queima sem ver e os olhos vai além do que vemos, nossa boca fala o que desejamos.
    É preciso sinceridade para amar e ser forte para ir além do que o coração sente, amar é saber que fomos feitos para acordar juntos em todos os dias do tempo.
    Redigido com amor por Giselli Versalli Pinto no dia 18/09/2020

    Reply

  16. MARIA Da Conceição de Sena
    18 de maio de 2021 @ 13:01

    Quero escrever meu livro .
    Preciso de ajuda.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *